Scroll Top

Dicas e Truques Saude

3 Exercícios Para Fortalecer os Músculos dos Braços!

Gostou do post? Avalie!

Ter um mínimo de força nos braços é imprescindível para fazer uma infinidade de tarefas. A força destas extremidades é determinada através de sua massa muscular; por isso, é necessário fortalecê-la constantemente. Por outro lado, a força não é o único fator que influencia na busca pelo fortalecimento muscular dos braços; são determinantes outro tipo de fatores relevantes, como o tônus.

O Que é o Tônus Muscular?


Conhecemos como tônus muscular o grau de contração dos músculos. Se ele não existe, significa um possível desenvolvimento de uma doença grave para os mesmos. A tensão desempenha a função de manter o organismo em contração parcial muscular. Esta influencia de maneira positiva a postura do mesmo.

O tônus muscular deve ser apresentado em cada um dos músculos do organismo, incluindo também os braços. Continuando com os fatores que influenciam o fortalecimento muscular dos braços, tanto a elasticidade quanto a hidratação destes também desempenham um papel fundamental.

Por essa razão, é necessário se nutrir adequadamente.

Por Que é Necessário Trabalhar os Músculos dos Braços?

No que se refere à função muscular dos braços, não só são relevantes a força ou a parte estética. Quando eles não são trabalhados de uma boa maneira, podem apresentam problemas importantes, tais como:

  • Atrofia muscular.
  • Hipotonia.

Estas são doenças muito relevantes para o organismo, e a melhor maneira de tratá-las é através do exercício físico. Assim, vamos expor uma série de exercícios para fortalecer os músculos dos braços.

Exercícios Para Fortalecer os Braços

Existe uma infinidade de alternativas para fortalecer os membros superiores do corpo. Dentre elas, além da alimentação e da hidratação, o exercício é um pilar fundamental.

1. Resistência Para os Tríceps


No preparo de rotinas focadas no fortalecimento dos braços costumamos cometer muitos erros.

O mais comum deles é se concentrar no trabalho dos bíceps, deixando de lado os músculos como o deltoides e o tríceps. Com base no que foi dito antes, vamos nos concentrar em um exercício denominado “resistência para tríceps”. Ele pode ser feito em qualquer lugar e é muito fácil de seguir.

  • Para começar é preciso ficar de pé e de costas para o lugar onde as mãos vão ser apoiadas (pode ser um banco, um muro ou uma cadeira, dentre outros).
  • As pernas devem ficar separadas na largura dos ombros.
  • O braços, ao descer, devem formar um ângulo de 90 graus.
  • Aproveitaremos a força da gravidade e o peso do corpo para fazer força com os braços, deixando as pernas retas.
  • É recomendável fazer 5 séries de 10 repetições cada uma.

2. Tesouras Com os Braços

Este exercício trabalha os principais músculos dos braços, mas dá ênfase especial aos deltoides, localizados nos ombros.

  • Assuma uma posição inicial normal (de pé e com as pernas separadas na largura dos ombros).
  • A partir daí, pegue um halter (peso) em cada uma das mãos, que devem estar estendidas para os lados do corpo.
  • Leve os halteres para frente do corpo, como se fossem se unir um com o outro mas, ao invés disso, continue até formar uma “X” (por isso o nome de tesoura).
  • O ritmo deste exercício não deve ser muito rápido e nem muito lento.
  • É recomendável realizar 3 séries de 10 repetições cada uma.

3. Flexões Laterais

Falar de flexoestensões dos braços é fazer referência a um dos exercícios mais realizados em prol do fortalecimento muscular. Neste caso vamos mostrar uma variante muito efetiva para conseguir atingir o objetivo em questão. É um pouco mais complexa e, por isso, requer um nível de exigência maior.

  • É necessário um tapete ou um colchão para praticar pilates.
  • A posição inicial é feita em dois apoios (palma da mão e pés juntos), inclinado sobre a superfície plana.
  • Simulando as flexões comuns, deve-se “dobrar” o braço de apoio e voltar à posição inicial, estendendo por cima o braço que sobra;
  • Sugerimos fazê-lo lentamente para evitar lesões e intercalar o braço após cada flexão.
  • Recomenda-se realizar, pelo menos, 3 séries de 10 repetições cada.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Recomendados para você:


Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.