Scroll Top

Saude

Essa é a Principal Causa do Mau Hálito, Entenda Como Resolver Agora!

Essa é a Principal Causa do Mau Hálito, Entenda Como Resolver Agora! 3.73/5 (74.50%) 131 votes

É provável que não saiba que pode estar alguma coisa oculta na sua boca, causando mau hálito e fazendo com que a ingestão de alimentos seja dolorosa. No entanto, poucas pessoas conseguem verdadeiramente identificar o que se passa.
2-1-696x385

As pessoas que já tiveram alguma vez amigdalite sabem como é dolorosa. Comer durante esse período é horrível e muitas pessoas sofrem desta maleita com alguma regularidade.

O grande problema das amigdalites constantes é que acabam por fazer fissuras nas amígdalas, chamadas “criptas”, o que leva a acumulação de comida, bactérias e células mortas.Estes produtos acumulados, juntamente com os depósitos de cálcio que solidificam essa  mistura,designando-se “pedras das amígdalas”. Estas pegam-se à superfície da glândula e ficam nesse lugar. Segundo um estudo atual, 25% das pessoas têm pedras deste tipo na garganta.

1

Estas pedras devem ser retiradas, pois podem levar a dores, inflamações no ouvido e mau hálito.

Há duas formas de o fazer: as que estão localizadas na superfície da amígdala são simples de identificar. Assemelham-se a pequenos pontos brancos.2Se carregar com cuidado na sua amígdala com a bico da escova de dentes ou com um cotonete, as pedras desprendem e acabam por cair. E se por ventura acabar por as engolir, não há nenhum problema para a saúde.

Outra hipótese é procurar um otorrinolaringologista ou um dentista, pois eles conseguem tirar essas pedras com facilidade e fornecer algumas dicas de como evitar a mesma situação.4O vídeo seguinte, demonstra como tirar as pedras em casa:

Se as amígdalas lhe doerem ou se estiver com mau hálito, verifique se tem pedras, pois são frequentemente a causa destas reações. É possível que a acumulação de pequenos detritos não seja notada durante muito tempo, partilhe esta informação para todos saberem! Pode ajudar sempre alguém…

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Recomendados para você:


Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.